A Ansiedade, de uma forma geral, é algo que faz parte da natureza humana, como o medo; são mecanismos emocionais de prevenção e defesa desde os primórdios e hoje mesmo, diante das ameaças e das situações de estresse, que são muitas.

Ou seja, é normal que as pessoas vivam situações de ansiedade com alguma frequência – uma pessoa desempregada, por exemplo, pode viver a ansiedade a cada entrevista de emprego que surgir.

Quando a Ansiedade se tornar um grande mal

A grande questão é quando a pessoa começar a desenvolver um estado de ansiedade que se manifesta em todos os momentos, até para as coisas mais simples – sair de casa para uma festa gera uma crise de Ansiedade.

Neste momento, temos um problema, e grave, que podemos chamar de Transtorno de Ansiedade. Até coisas imaginárias, como uma ameaça que não existe, são motivos para que a pessoa tenha crises.

E tudo isso impacta gravemente no organismo. Podemos dizer que a Ansiedade é o maior de todos os males psicológicos, porque costuma ser o deflagrador dos demais, como a Depressão.

Vamos falar um pouco de como a Ansiedade pode afetar nossa saúde.

Os muitos e graves efeitos da Ansiedade na saúde

Cefaleia

Uma reação natural da ansiedade saudável é a contração de artérias e veias para levar mais sangue aos músculos, como uma defesa à uma situação de perigo.

Porém, no Transtorno de Ansiedade, esta circulação é muito maior, o que provoca a vasoconstrição, e isso leva às fortes dores de cabeça.

Dor mandibular e Bruxismo

Algumas partes do corpo concentram mais ansiedade que outras: os ombros, as costas, o pescoço e a mandíbula.

Nas dores mandibulares, em casos extremos, pode surgir o Bruxismo, que é o forte ranger de dentes durante o sono, que podemos notar quando sentimos dores fortes na mandíbula de manhã cedo.

É um distúrbio que pode afetar seriamente a estabilidade da dentição e que deve ser visto com urgência.

Problemas cardiovasculares

Os sintomas clássicos do Transtorno de Ansiedade – isolamento social, tristeza, má qualidade do sono e outros – potencializam as principais causas das doenças cardiovasculares – pressão elevada, colesterol alto, diabetes, tabagismo.

Por esse motivo, é essencial diagnosticar o Transtorno de Ansiedade rapidamente para evitar que a saúde seja impactada por problemas orgânicos muito graves. Esse é um quadro que explica por que a Ansiedade causa taquicardia por exemplo.

Desrealização

Este efeito do Transtorno de Ansiedade em nosso corpo é tão estranho quanto perigoso: a pessoa tem a sensação de não pertencimento ao mundo que a rodeia.

Na verdade, a sensação é física e não emocional, parece que vemos o mundo como espectador dele, como em um filme. Este distúrbio deve ser visto com urgência com um médico, caso seja frequente.

Grandes distúrbios psicológicos

A Ansiedade pode ser o agente deflagrador de uma série de distúrbios psicológicos tão ou mais graves:

  • Síndrome do Pânico
  • Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC)
  • Depressão

Desdobramento do Transtorno de Ansiedade

O Transtorno de Ansiedade pode desenvolver estágios dentro da própria doença que vão piorando progressivamente o estado geral do organismo e aumentando as possibilidades de contrair as outras doenças.

  • Fobia: aqui encaixam-se todos os tipos de medos exacerbados, como a claustrofobia, a aracnofobia e a agorafobia, entre tantas outras;
  • Fobia Social: o medo irracional de estar em lugares públicos de todos os tipos;
  • Ataque de Pânico: surtos em que a pessoa sente que vai morrer sem haver um motivo concreto, com curta duração mas riscos iminentes de acidentes.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *